GOVERNANÇA PÚBLICA E GOVERNABILIDADE: ACCOUNTABILITY E DISCLOSURE POSSIBILITADAS PELA CONTABILIDADE APLICADA AO SETOR PÚBLICO COMO INSTRUMENTO DE SUSTENTABILIDADE DO ESTADO

  • Antonio Gonçalves Oliveira Professor Adjunto da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (PGP/UTFPR)
  • Hilda Alberton Carvalho Professora Adjunta da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR)
  • Dayanne Paretti Corrêa
Palavras-chave: accountability, disclosure, governança pública, Estado, governabilidade.

Resumo

O Princípio da Continuidade numa visão contábil-financeira aplicado às organizações empresariais pressupõe sua sustentabilidade em direção à perpetuidade, influenciando e assegurando aos investidores o retorno de seus investimentos. Na Administração Pública, não é diferente, destacando-se a existência do Princípio da Continuidade do Estado. Tal princípio descreve o Estado como sociedade política que, assim como a empresa, deve ser perene e sustentável visando sempre à promoção do bem comum e ao desenvolvimento de seu povo. Consoante à contribuição esperada, este trabalho tem por objetivo discutir a importância da Contabilidade Aplicada ao Setor Público como ferramenta útil à efetividade da Governança e da Governabilidade Públicas aderentes a uma visão de sustentabilidade aplicável à gestão do Estado. A metodologia adotada, quanto aos fins, foi a pesquisa exploratória e explicativa utilizando-se, quanto aos meios, de investigações bibliográficas e documental e da observação teórico-empírica concernentes à aderência da disclosure (transparência) e da accountability (responsabilidade social de prestar contas à sociedade) à Gestão Pública. Como resultados foi possível constatar uma forte inter-relação entre os termos, haja vista o fato de a Contabilidade evidenciar os resultados e as ações dos governos a partir da governança (o meio/o como) relacionada com a governabilidade (poder e ações políticas), e também que ambas são orientadas para a sustentabilidade do Estado. Sobre a sustentabilidade do Estado, constatou-se ainda que esta é mais abrangente que o próprio termo “sustentabilidade”, o qual, em muitas vezes, é reduzido à visão ecoambiental e não considera importantes variáveis de cunho financeiro (equilíbrio) e econômico-social inerentes à função social do Estado.

Biografia do Autor

Antonio Gonçalves Oliveira, Professor Adjunto da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (PGP/UTFPR)
Doutor em Engenharia de Produção (UFSC)
Hilda Alberton Carvalho, Professora Adjunta da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR)
Mestre e Doutoranda em Tecnologia (UTFPR)
Dayanne Paretti Corrêa
Estudante de Engenharia Industrial Elétrica da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR)
Publicado
30-03-2013
Como Citar
Oliveira, A. G., Carvalho, H. A., & Corrêa, D. P. (2013). GOVERNANÇA PÚBLICA E GOVERNABILIDADE: ACCOUNTABILITY E DISCLOSURE POSSIBILITADAS PELA CONTABILIDADE APLICADA AO SETOR PÚBLICO COMO INSTRUMENTO DE SUSTENTABILIDADE DO ESTADO. Revista De Educação E Pesquisa Em Contabilidade (REPeC), 7(1). https://doi.org/10.17524/repec.v7i1.256
Seção
Artigos